Homepage Rhodia

Linha do tempo América Latina

Linha do tempo América Latina

1919 – Chegada da Rhodia ao Brasil

1921 - Instalação da fábrica de produtos químicos e farmacêuticos, em Santo André (SP)

1922 – Fabricação do lança-perfume

1929 – Início da produção de fibras artificiais para aplicações têxteis, em Santo André (SP)

1930 – Instalação de unidade têxtil na Argentina

1935 – Instalação de unidade têxtil (Valisère) em Santo André (SP)

1942 – Implantação da produção de cana-de-açúcar para alcoolquímica em Paulínia (SP)

1945 – Aquisição da Indústria Brasileira de Óculos e Lentes, embrião da Rhodia Plásticos de Engenharia

1946 – Fundação da Rhodosá, Companhia de Rayon Têxtil, em São José dos Campos (SP)

1949 – Início das atividades no Uruguai, como laboratório farmacêutico

1955 – Início da produção de fios e fibras em náilon (poliamida) em Santo André (SP)

1956 – Início da implantação da unidade química de Paulínia

1957 – Início da fabricação de fio pneu

1958 – Inauguração da unidade de acetato de vinila, que foi a primeira atividade industrial em Paulínia

1960 – Com a Rhodia como principal apoiadora, surge a indústria da moda brasileira, nos desfiles da Fenit

1961 – Instalação no México, com foco no mercado farmacêutico. Lançamento da primeira cooperativa de crédito mútuo (crédito a pessoas físicas) do estado de São Paulo, a Cooperativa da Rhodia Química

1967 – Produção de cabo acetato (filter tow)

1968 – Produção de polímeros de náilon 6.6 e início da fábrica de acrílico para artigos têxteis

1969 – Fundação do Instituto Veterinário Rhodia-Mérieux

Anos 60 – Lançamento do programa de estágio e trainees da Rhodia, um dos pioneiros do setor

1970 – Implantação da fábrica de fenol e derivados, em Paulínia (SP), consolidando o conjunto industrial da Rhodia na região

1975 – Implantação do Centro de Pesquisas de Paulínia (SP)

1977 – Lançamento da produção de silicones no Brasil. Ampliação da alcoolquímica com a partida das unidades de ácido acético e acetato de etila

1978 – Inauguração da fábrica de sílicas no Brasil

1980 – Partida da unidade de bisfenol epóxi para atender ao mercado de tintas e adesivos

1981 – Implantação do projeto de valorização do consumidor e implantação do primeiro serviço de ombudsman da indústria

1980/1985 – Ampliação e consolidação do conjunto industrial da Rhodia em Paulínia

1986 – Implantação da unidade de ácido salicílico

1988 – Rhodia se instala na Guatemala, com a comercialização de produtos agroquímicos

1989 – Início das atividades comerciais no Chile. Partida da unidade de bisfenol policarbonatos para atender à indústria de plástico de engenharia

1992 – Início da produção pioneira no Brasil de microfibras de náilon para aplicação têxtil. Fusão com a empresa venezuelana Mantex Saica, de produção de acetato, que originou a Rhodia Acetow Venezuela. Assinatura do tratado de Atuação Responsável definido pela indústria química mundial

1994 – Criação da Rhodia-Ster

1995 – Início da produção de surfactantes no Brasil, em Santo André

1998 – O nome Rhodia, utilizado apenas no Brasil e na Alemanha, torna-se o nome da empresa mundialmente, reunindo as atividades de química e fibras e polímeros. Início da produção dos primeiros fios “inteligentes” (com funções) e lançamento do conceito de marca Amni. Aquisição da unidade de bicarbonato de sódio em Florencio Varela (Argentina) e início das atividades comerciais na Colômbia

1999 – Início das atividades comerciais no Peru

2000 – Estabelecidas as atividades comerciais no Equador. Surge a Rhodia Sílices Venezuela, em Barquisimeto, para produção de sílica

2002 – Lançamento da unidade de dipping – tecidos dipados para pneus, em Santo André (SP)

2003 – Associação ao Global Compact (Pacto Global) das Nações Unidas

2004 – Inaugurada grande ampliação da fábrica de fenol e acetona em Paulínia. Assinatura do Diversity Charter (Tratado da Diversidade), na França

2005 – Assinatura de um acordo de Responsabilidade Social Empresarial com a ICEM: Federação Internacional dos Sindicatos dos Trabalhadores nas Indústrias de Produtos Químicos, Minas e Energia

2006 – Instalação, no Brasil, do maior projeto da América Latina (e 5º maior do mundo) para abatimento de gás de efeito estufa, de acordo com o Mecanismo de Desenvolvimento Limpo, do Protocolo de Kyoto. No mesmo ano, a Rhodia se torna a primeira empresa do setor químico da América Latina a ingressar na CCX – Bolsa de Créditos de Carbono de Chicago (fora dos mecanismos de Kyoto). Assinatura do Tratado Global de Atuação Responsável. Lançamento do Rhodia Way - O jeito Rhodia de fazer negócios.

2007 – Criação do Instituto Rhodia

2008 – Início da produção de solventes “eco-friendly” em Santo André. Lançamento do primeiro fio inteligente de poliamida com propriedades terapêuticas. Lançamento dos Fios Nytia e Emana.

2009 – No Ano da França no Brasil, Rhodia completa 90 anos